A Talentun vai encerrar
1 min read

A Talentun vai encerrar

Depois de mais de um ano de tentativas, decidi que é altura de encerrar este projeto. Aqui explico o que levou a esta decisão.

Sem mais demoras, comecemos.

Modelo de negócio.

A lei da oferta e da procura aplicada ao mercado de trabalho de juniores não joga a favor. A procura de trabalhadores juniores é muito baixa em Portugal e no mundo, comparada com a oferta de mão-de-obra. Todos os anos saem milhares de estudantes das universidades que não encontram de imediato um emprego, mesmo nas áreas com maior procura - negócios e STEM.

As empresas não investem dinheiro a resolver um problema de escassez que não existe.

Cobrar a estudantes.

Apesar de ser contra, tomei esta decisão. Não iria desistir sem tentar - apesar de ser altamente improvável, este poderia ser a solução para salvar a Talentun.

Mas as minhas certezas confirmaram-se. Os estudantes não querem pagar por algo que podem obter nos Gabinetes de Carreira das universidades ou no LinkedIn. Serviços personalizados, como eventos com profissionais normalmente inacessíveis, talvez funcionassem - mas isto não significa que a Talentun fosse lucrativa no final, para além de que não seriam escaláveis.

Cansaço.

Depois de 16 meses investidos neste projeto, o que resta é cansaço. Foram noites, fim de semanas e muito tempo livre. Abdiquei de muitas atividades que adoro. Não me arrependo de nada - mas tenho a consciência de que não dá para mais. A nível de energia, de curiosidade e de motivação.

O que resta da Talentun?

Não temos um milhão de carreiras extraordinárias.

Mas temos mais de 300 sessões de mentoria entre estudantes ambiciosos e mentores altruistas.

Uma sessão já seria uma vitória - 300 são uma maravilha!

Centenas de pessoas tiraram valor desta comunidade. E só por aí, já valeu a pena.

E agora?

A Talentun vai continuar aberta até 24 de Setembro, para os estudantes marcarem as suas ultimas mentorias de forma gratuita e guardarem os contactos de mentores. Depois disso, a Talentun vai fechar de forma permanente.

Caso queiras continuar conhecer profissionais e expandir a tua rede de contactos, o LunchClub é uma boa opção.

Do meu lado, tenho dois outros projetos em mente: um para ajudar estudantes e outro para ajudar empresas a multiplicarem a sua receita. E claro, o meu blog pessoal, no qual podes inscrever-te com o botão no canto inferior direito!

Obrigado por terem acompanhado esta jornada. Foi um prazer 🧡

Até breve,

Diogo